o Propósito e a confiança

Assim como a chuva e a neve descem dos céus e não voltam para ele sem regarem a terra e fazerem-na brotar e florescer, para ela produzir semente para o semeador e pão para o que come…
(Is 55.10)

Tudo tem um grande propósito!

É realmente no estreito que somos aperfeiçoados.
Mas trazer a memória aquilo que nos dá esperança é um ótimo caminho.
É saber que o gigante cairá.
É saber que a nuvem do tamanho da mão de um homem é um belo de um sinal.
É saber que leve e momentânea é a minha tribulação.
E eu não sou guiado pela dor.
Jesus esta no barco e eu preciso confiar.
Jesus esta na casa, mas tem muita gente, como eu vou entrar? Nem que seja pelo telhado.
Esperança é algo que eu jamais vou dispensar para viver!
Alegria então!
Como diz o grande filósofo Baiano, (Irmão Lázaro – segundo o conceito do meu irmão Everton):
“Vou passando pela prova dando Glória a Deus”
Fé, confiar, esperar, propósito…
É Deus se aperfeiçoando em mim, através de mim, por mim…
E muito mais do que chegar no propósito em si, devo valorizar o trabalho de Deus até que o próprio propósito de fato se cumpra.
Deus tem contrariado a minha lógica.
Me vejo sentado no lado em que esta a janela, tomando a minha coca zero, esperando a tempestade passar para seguir viagem, e eu sei bem em quem tenho crido, sei quem esta no comando de todas as coisas!
Fico com o texto de Isaías 55. 8-11
Pois os meus pensamentos não são os pensamentos de vocês, nem os seus caminhos são os meus caminhos”, declara o Senhor.
“Assim como os céus são mais altos do que a terra, também os meus caminhos são mais altos do que os seus caminhos e os meus pensamentos mais altos do que os seus pensamentos.
Assim como a chuva e a neve descem dos céus e não voltam para ele sem regarem a terra e fazerem-na brotar e florescer, para ela produzir semente para o semeador e pão para o que come,
assim também ocorre com a palavra que sai da minha boca: Ela não voltará para mim vazia, mas fará o que desejo e atingirá o propósito para o qual a enviei.”

Anúncios